Thammy: Nadando contra a corrente

Thammy

 

Em setembro, dia 7, na Bienal do livro, temos o lançamento da biografia de Thammy, onde ela conta como se descobriu trans e como está sendo viver a travessia para o gênero com o qual se identifica. Foi escrito por Marcia Zanelatto. Fiz a orelha, e como já foi publicada, transcrevo aqui pra vocês:

Sempre admirei a autenticidade de Thammy: e muito mais agora, acompanhando a maneira corajosa como se reinventa e ocupa seu lugar no mundo.

Se é difícil suportar o incômodo de uma roupa, de um sapato apertado, imagine a provação de suportar um corpo que não veste sua alma nem sua mente. Um corpo dissociado de você, que não expressa você, pelo contrario, o agride.

Imagine a violência de existir assim, intimidado, clandestino, dentro de uma forma física que você percebe como uma camuflagem de si.

Somos homens ou mulheres a partir de uma designação baseada no aparente sexo de nascimento. A partir daí a sociedade nos atribui papeis bem definidos, e cobra correspondência a eles.

Mas se nem tudo é o que parece ser, nesse terreno também funciona assim: entre o XX e o XY há toda uma gama de possibilidades. O gênero que atribuímos a uma pessoa, quando ela nasce, não é necessariamente o gênero com o qual ela vai se identificar e reconhecer.

Assim, resgatar a compatibilidade entre corpo e mente é um ato libertador.

Tenho certeza que Thammy sempre terá orgulho da Thammy que enfrentou tantos desafios para que o Thammy pudesse existir às claras.

E aqui está ele, contando essa difícil e penosa travessia, para nos mostrar que existem muitas formas de viver o masculino e o feminino. E que só se pode ser feliz assim, na liberdade de SER.

Como dizia dona Canô: “ser feliz é pra quem tem coragem”

3 Responses to Thammy: Nadando contra a corrente

  1. Priscila Rodrigues agosto 8, 2015 at 6:39 pm #

    To com a resposta d Dona Cano
    Pensei a mema coisa.

  2. José Antonio setembro 25, 2015 at 5:54 am #

    Um amigo meu esteve na Bienal, adquiriu o livro e acabou me emprestando. Li e gostei. As revelações bombásticas foram feitas numa escrita leve, divertida e sem sensacionalismo. Estou preparando um post sobre o assunto.
    Abcs!
    José Antonio (Jam)

    http://www.livroseopiniao.com.br

  3. Julia Freitas setembro 5, 2016 at 12:45 am #

    Querida Glória te escrevo para pergunta lá se realmente procura uma Atriz Trans, amigos do CGP especularam e como não teria seu email me fiz de corajosa a pergunta lá por aqui Beijos.
    Caso sinta vontade de me escrever amarei comunicar me com você: julia_bfreitas@hotmail.com

Deixe uma resposta

Powered by WordPress. Designed by Woo Themes