Desejo

Material de pesquisa da minissérie Desejo.

DATAS

Euclydes da Cunha – 1866 – 1909

Anna (Saninha) – 1872 – 1951

Dilermando – 1888 – 1951

Dinorah (…) – 1921

Casamento Euclydes e Anna – 1890  – Anna tinha 18 anos e Euclydes 24

Filhos de Euclydes e Saninha

Solom da Cunha – 1892 – 1916

Euclydes Filho (Quidinho) 1894 – 1916

Manoel Afonso – 1901

Saninha e Dilermando

Saninha era amiga da mãe de Dilermando e o conheceu menino, quando acompanhou sua mãe numa visita ao colégio. Dilermando teria, então, 11 anos, segundo declara no livro A Tragédia da Piedade (pag 195, ed O Cruzeiro)

1905, setembro – reencontra Dilermando  na Pensão Monat (Senador Vergueiro, 14), quando ele, vindo de SP, vai entregar a encomenda de umas músicas para sua tia Lucinda, que se hospedava ali. Começa o romance. (Anna tinha 33 anos, Dilermando 17)

1905, outubro – Saninha muda com Dilermando para a casa da rua Humaitá 67 (a informação das datas é de Dilermando, no livro A Tragédia da Piedade)

1906, 1 de janeiro- Euclydes volta do Acre. Saninha está grávida.

1906, 23 de janeiro – Dilermando permanece alguns dias na casa e volta a morar na escola militar. (entrevista de Evaristo de Moraes – A Época, 1914)

1906, janeiro- Dilermando escreve carta a Euclydes. Euclydes responde a carta

1906, março – Dilermando vai para a Escola de Guerra, em Porto Alegre.

1906, julho- Mauro nasce. Vive uma semana, apenas.

1907- Dilermando vem ao Rio de férias

1907- nasce Luis, de quem Euclydes diria: “nasceu uma espiga de milho no meu cafezal”

1909, janeiro- Dilermando volta para o Rio

1909-abril – vai morar na Estrada Real de Santa Cruz (informação do próprio- A Tragédia da Piedade)

1909, agosto – morte de Euclydes da Cunha (Anna tem 37 anos, Dilermando 21, Euclydes 43)

1909 – Dilermando é preso e aguarda o julgamento no primeiro Regimento de Artilharia

1910, agosto- nasce João, filho de Saninha e Dilermando

1911- julgamento de Dilermando

1911- casamento Dilermando e Saninha. Ela tem 40 anos, ele 23. Em 1924- Dilermando se envolve com sua segunda esposa, Marieta (Maria Antonieta de Araujo Jorge). Em 1926 se separa de Saninha e casa com Marieta. Na época, ela está com 54 anos, ele com 38

1912- nasce Laura, filha de Saninha e Dilermando

1913- nasce Judith, filha de Saninha e Dilermando

1914- novo julgamento pela morte de Euclydes. Absolvido

1914- nasce Carlos Frederico, filho de Saninha e Dilermando (viveu até 1915)

1916- nasce Frederico Guilherme

1916, julho – Euclydes Filho tenta vingar a morte do pai e é morto por Dilermando

1916- Dilermando é julgado pelo Conselho de Guerra e pelo Superior Tribunal Militar. Absolvido.

1916- Publica “Um conselho de Guerra – a morte do aspirante de Marinha Euclydes da Cunha Filho – Defesa do tenente Dilermando Candido de Assis – Rio de Janeiro, Tipografia dos Anaes, Rua S José n. 41- 1916”



One Response to Desejo

  1. Carla Antero junho 22, 2011 at 12:39 pm #

    “Desejo” foi demais, amei, adoro vc fazendo novelas, minisséries, vc é ótima, vc entende bem o universo feminino e muito do masculino também, seus personagens parecem seres reais, não parecem vindos de uma autora ou autor, pois são muito independentes entre si e não se repetem.

    Abraço e volta logo pras novelas querida.

Deixe uma resposta

Powered by WordPress. Designed by Woo Themes