Brasileiros traficados para o exterior

Muita gente confunde a imigração ilegal com tráfico humano: são coisas bem diferentes.

Na imigração ilegal, paga-se o coyote para possibilitar e conduzir a entrada ilegal no país (no caso da novela “América”, EUA), e a relação termina aí. No tráfico humano (para prostituição ou outro tipo de trabalho), ela continua no outro país, sob a forma de escravidão por dívida.

Em “Salve Jorge” falei dos brasileiros que vão buscar lá fora uma vida melhor, e acabam vítimas dessa máfia internacional e poderosa, que movimenta, segundo dados da ONU, 32 bilhões de dólares por ano, traficando e escravizando gente. Um crime rentável e praticamente invisível, porque as vítimas, mesmo quando conseguem escapar, preferem não denunciar, por medo das ameaças da quadrilha ou pelo constrangimento de ver expostas, ao público, as humilhações a que foram submetidas.

Ana Lucia falou. Ela foi traficada para Israel em 1993, iludida por uma falsa promessa de trabalho como atendente de uma lanchonete. Resgatada pela Policia Federal depois de 4 meses prisioneira, foram muitas e dolorosas as consequências em sua vida pessoal. Mas disso não falaremos aqui.


Nos capitulos a gente trabalha esses sentimentos através de muitas cenas, explorando nuances e pontos de vista.

Aqui vai uma: é o momento em que Morena conta para Sheila que foi traficada. Conta de maneira nervosa e apressada -alguém pode chegar a qualquer momento,  não há tempo para aprofundar as emoções.

;

, , , ,

10 Responses to Brasileiros traficados para o exterior

  1. Zezé julho 6, 2013 at 7:23 pm #

    ebaa!! brigada, glorinha, por atender nosso pedido e postar o roteiro!!!
    bjoos.

  2. Lucas julho 6, 2013 at 10:40 pm #

    Gloria, parabéns pelo belíssimo trabalho!!!!
    Hoje eu estava zapeando pelos videos do youtube e vi a belissima cena do Junior e Zeca se dando as mãos e se assumindo que se amam!
    Fale um pouco desses temas paralelos, especificamente da homossexualidade que vc abordou de forma tão linda!
    ah, e poste o roteiro da cena dos dois… 🙂
    Beijos carinhosos.

  3. Sandra McPherson julho 7, 2013 at 5:13 am #

    Amei ler esta parte do roteiro,me lembro desta cena entre as duas.Da uma saudade da novela

  4. Luís julho 7, 2013 at 6:39 am #

    Bom dia!
    Gloria, li este comentário no blog tv e cia Brasil e gostaria de dividi-lo com seus leitores e se possível, que você, como autora de telenovelas, opinasse sobre o tema. A comentarista chama-se Telma Matos.

    ***

    DIREITO AUTORAL _ Direito autoral é um daqueles assuntos sérios que no Brasil é tratado com uma banalidade incrível, até mesmo pelo próprio artista. Ouvi de um a seguinte frase certa vez: “ninguém é autor de nada, todo mundo copia todo mundo”. É bela, desprovida e aparentemente generosa, mas é falsa, cruel e injusta. Falsa porque pela lei algo devidamente registrado tem dono sim, cruel porque tira o sustento de um profissional que só pode viver dos seus direitos autorais se não ganha salário de uma emissora ou gravadora, injusto porque perpetua a lei que privilegia a má fé e a desonestidade, até porque quem plagia não só não tem talento como não tem ética e respeito nem por si mesmo. Então, se até entre os pares não existe consenso ético, imagina para sociedade como um todo!?

    Vocês acham que se eu chegar para um médico e disser: doutor, se eu abrir um livro de medicina tenho a informação que você tem sobre meu diagnostico, por isso não vou lhe pagar a consulta. Será que cola? Claro que não, os médicos desde sempre respeitam o próprio trabalho, infelizmente não se pode dizer o mesmo dos artistas, ou alguns deles.

    A coisa é tão escancarada no Brasil, que você pode pegar o enredo de uma novela e ver idêntica a de uma série conhecida, produzida e roteirizada meses ou anos antes, fico imaginando quantas desconhecidas devem ser plagiadas. Foi-se o tempo dos detalhes copiados, hoje copiam tudo e na “cara dura” mesmo! A última delas é amor à viida, onde se vê claramente brothers e sisters e outras mais… Av Brasiil é tão parecida com Revenge que alguns em tom de galhofa não chamam mais de cópia, e sim de clone. A favoriita não tem o charme do filme pode bater ela é francesa, mas a trama principal é a mesma. E por ai vai…

    Não é só o caso de autores ou dito autores sem ética, é também uma produtora de tevê afundada num escândalo que envolve: crime contra direito autoral, propaganda enganosa e destruição de trabalhos artísticos. Parte do roteiro do filme nacional Linha de passe foi para o lixo depois que um autor de tevê copiou os personagens principais escrito por outro autor e colocou em sua novelinha. O acordo feito entre o diretor do filme e a emissora é mixaria perto da grana alta que a emissora ganha vendendo suas novelas ao mundo. Pra que se preocupar, né mesmo?

    Somem a falta de ética de pseudo autores e emissora, a atores sedentos por sucesso, cínicos e dispostos a tudo por flashes e um personagem numa dessas novelas para fazerem presença vip e comerciais de esmalte e tintura de cabelo… Todos fingem que não sabem que estão envolvidos na exploração de trabalho alheio. É o chamado, não tenho nada a ver com isso, ou parodiando a Irina, personagem da Vera Fisher que quase não falava em Salve Jorge: eles só fazem a contabilidade!

    A imprensa da televisão, especialmente os grandes veículos fazem literalmente vista grossa e meio que uma operação abafa do que deveria ser tratado como uma vergonha do mundo cultural. E mais do que isso, em redes sociais, colunistas, jornalistas e gente informada aplaudem plágios e seus autores com um ardor voraz de uma eleitora de um político corrupto num jantar eleitoral. É bom destacar que av Brasil tem fãs fieis nesse clube que deixam qualquer fundamentalista religioso no chinelo.

    É grave julgar a moral brasileira por essa parcela da sociedade, mas vejo que existe um descaso e um desrespeito muito grande ao trabalho dos autores, inclusive partindo dos próprios. Em tempos de Flip e comissão para revisão do ecad sendo recebida pela presidente Dilma, é para pensar.

    Aos que respeitam o seu e o trabalho alheio: A lei, ainda bem, continua existindo, registre suas obras, se você se sentir lesado busque um advogado, pode ser os da defensoria pública, use a mídia, a internet, a opinião pública, reúna grupos, guarde tudo o que sai sobre esses grupos de comunicação e seus plágios, matérias, artigos, tudo pode servir de provas, porque reconstrói o passado sujo do réu e corra atrás dos seus direitos.

    Mas a cultura do plagio e sua banalidade é algo mais complexa, que concerteza não cabe numa lei.
    Antes que esqueça: #reformassociais e #corrupçãoéhediondo

    E para quem acha que problema sério é a corrupção em Brasília: O país que vota mal, que corrompe e é corrompido, é o mesmo que desrespeita direito autoral. Não existe múltipla moral, moral e caráter é uma só, e vale para todos os momentos.

  5. Giovana julho 7, 2013 at 11:47 pm #

    Gloria, você escreveria uma novela “a 4 mãos”, com alguém sem experiência neste tipo de trabalho específico?

    Como realizaria este tipo de parceria?

    Parabéns, te admiro muito.

  6. Johan Cassiano julho 7, 2013 at 11:56 pm #

    Glória, gosto muito de falar sobre religião e resgate de valores principalmente os valores familiares! Gosto de falar em religião sobre gays que de diferentes religiões e como cada uma delas lida com esse tema! E sobre família procuro mostrar que a base ou pilar das pessoas ainda é a família bem estruturada! Esses temas são muito clichês ou passados?

  7. Magda julho 8, 2013 at 2:52 pm #

    Glória, amo muito os seus trabalhos e adoraria que você postasse mais roteiros das suas novelas para eu ler! Algum dia, quero ser sua colaboradora em alguma novela. Beijos da sua eterna fã :*

  8. Willian Bressan julho 8, 2013 at 9:28 pm #

    Eu tenho uma curiosidade boa. Num dos capítulos de América que circularam pela internet, dava pra ver que a capa dele tinha a Virgem de Guadalupe. Você utilizou outros santos na capa dos scripts das demais novelas ou foi um caso específico? Bjs

  9. Gloria Perez julho 9, 2013 at 3:33 pm #

    Criaçaõ do Madureira. Gostei muito, porque a Virgem de Guadalupe é a protetora dos que se arriscam na travessia. Todos eles levam uma imagem ou uma gravura da Santa. Vou escrever um post sobre isso.

  10. Camila abril 26, 2016 at 8:36 pm #

    Olá, Gloria Perez

    Meu nome é Camila,estou desenvolvendo um projeto de pesquisa científica sobre o Tráfico de Pessoas e como Salve Jorge foi inspirada e abordada nesse tema. Gostaria de saber seu depoimento sobre o assunto que tenho certeza de que será de grande valia para a minha pesquisa.

Deixe uma resposta

Powered by WordPress. Designed by Woo Themes